ROCHAS

Os três tipos de rocha existentes são as: rochas magmáticas, rochas sedimentares e rochas metamórficas.

Lembre-se que rocha é um agregado natural formado por um ou mais minerais. Seu processo de formação é contínuo e as primeiras rochas surgiram após a formação e resfriamento da Terra.

Ao longo da história geológica da Terra, as rochas se formam e se modificam constantemente. Rochas antigas são transformadas em rochas novas. É o chamado “ciclo das rochas”.

Origem e Classificação das Rochas
Na Era Primitiva ou Pré-Cambriana a Terra devia ser uma só massa incandescente, com temperaturas elevadíssimas, sem existência de matéria sólida.

Os minerais eram uma massa pastosa, semelhante ao magma. Quando a Terra começou o processo de esfriamento, muitos minerais se solidificaram e formaram as primeiras rochas do planeta – as rochas magmáticas.

Os gases e vapores que escaparam do resfriamento dos minerais deram origem à camada de ar que envolve a Terra: a atmosfera.

Com a formação das chuvas, dos rios e oceanos, agindo como agentes de erosão, foram se formando novas formas de relevo.

Os detritos resultado das erosões das rochas primitivas foram sendo depositados, camadas por camadas, nas depressões, dando origem às rochas sedimentares.

Submetidas às condições de temperatura e pressão, as rochas magmáticas e sedimentares deram origem às rochas metamórficas.

Rochas Magmáticas

Tipos de Rochas A rochas magmáticas, também chamadas de ígneas, são formadas pelo resfriamento e solidificação do magma pastoso. O magma que existe no interior da terra é expelido pelas erupções vulcânicas.

A solidificação do magma ocorre de duas maneiras: na superfície e no interior da Terra.

O magma que chega à superfície e sofre rápido resfriamento permite que se formem pequenos cristais na sua composição, não visíveis a olho nu. Recebem o nome de rochas magmáticas vulcânicas ou extrusivas.

O resfriamento no interior da terra forma as rochas magmáticas plutônicas ou intrusivas. Nesse caso o resfriamento do magma é lento, permitindo a formação de grandes cristais, visíveis a olho nu. São também chamadas de rochas cristalinas.

São exemplos de rochas magmáticas:

O basalto, que é o tipo de rocha magmática mais comum. É utilizado como paralelepípedo para o calçamento de ruas;
O granito, que polido é usado no revestimento de pisos, paredes e tampo de pia de cozinhas e de banheiros. Sem o polimento é usado como calçamento de ruas;
O diorito, cuja finalidade é especialmente fazer pedra britada para construção de estradas.

Rochas Sedimentares

Tipos de Rochas As rochas sedimentares resultam da deposição de detritos de outras rochas ou de matérias orgânicas em depressões do relevo terrestre.

A ação das chuvas, dos ventos, dos rios, mares e geleiras sobre o relevo, desgasta as rochas da superfície terrestre.

Esses processos vão formando detritos que são transportados para as partes mais baixas do relevo, dos mares, lagos e rios.

No processo de formação das rochas sedimentares, os detritos se acumulam e se consolidam em camadas de estratos.

As rochas sedimentares são também chamadas de rochas estratificadas, pois se apresentam em camadas de sedimentos.

A formação de petróleo originou-se da deposição de micro-organismos em bacias sedimentares. Estas podem existir tanto nos continentes quanto nos oceanos.

A deposição dos sedimentos ocorre também por meio de processos químicos, como as estalactites e estalagmites das grutas calcárias.

As estalactites são formas que pendem do teto e as estalagmites são provenientes de pingos d’água que se acumulam no chão. Ambas são formadas por bicarbonato de sódio dissolvido em água.

São exemplos de rochas sedimentares:

O arenito, que é empregado na fabricação de vidros;
A argila, que é empregada na fabricação de tijolos e telhas;
O carvão mineral, que é utilizado como combustível.

 

Rochas Metamórficas

Tipos de Rochas As rochas metamórficas têm sua origem na transformação de outras rochas (magmáticas e sedimentares), quando submetidas a certas condições de umidade, calor e pressão no interior da Terra.

A rocha transformada adquire novas características e tem sua composição alterada.

São exemplos de rochas metamórficas:

O mármore, que é bastante utilizado na construção e na criação de monumentos;
O quartzito, utilizado para fins ornamentais, é uma rocha parecida com o mármore, porém, mais resistente.
O gnaisse, além de ser utilizada na ornamentação, é utilizada também na construção civil.

Contato
mcssondas@hotmail.com 
+ 55 (21) 2778-7228 | What Sapp: +55 (21) 99884-0692 / 97043-3824

 


× Fale Conosco Agora.